domingo, 30 de março de 2014

Um oásis em Belém: Mangal das Garças!



 

O Mangal das Garças é um daqueles exemplos de solução incrível para espaços lindos que podiam ficar ao Deus dará.
É um parque ecológico no sentido amplo da palavra. É uma imensa área verde que congrega viveiro de pássaros, borboletário, orquidário, mangue, restaurante, museu, quiosques e um mirante que dá pra ver grande parte da cidade.
É um passeio para o dia todo, com emoção!

São muitas atrações em uma, mas você visita os ambientes e percebe a interação entre eles. Não são atrativos isolados, pelo contrário, são complementares.
Penso que aquela área enorme sem essa solução genial, já teria perdido sua razão de ser, principalmente pela proximidade do rio e do mangue com a comunidade.

É um espaço dedicado à floresta amazônica muito bem aproveitado, como poucos exemplares no Brasil.







Dentro do complexo existe também o Museu da Navegação.
É uma oportunidade ótima para conhecer um pouco mais dessa interação que o povo amazônico tem com as águas, e em especial, com os rios.




O Mangal também tem uma área verde linda, cheia de bichinhos fofos, daqueles que a gente não pode pegar para acariciar, mas que ama de longe, tipo esses:

A dona do pedaço

Mandarins namorando...
(Detalhe: a informação de que são mandarins, vem da memória do maridão que tinha a coleção de bichinhos do chocolate Surpresa :))

Relaxando na sombrinha da árvore...

Posando para as fotos do bloguito...

O guará é um dos musos inspiradores da minha vida. Lindo, não?

Ops, esses aqui não se importaram conosco e nem com a claridade

Do mirante, dá pra ter uma ideia da extensão toda e do quão diverso é tudo por lá.
Investir um tempo para subir no mirante vale muito a pena.

As garças ficam descansando em cima do borboletário com o estacionamento ao fundo
Outro ângulo do borboletário e uma geral das áreas verdes
Nesse espaço bacana e rústico fica o restaurante do Mangal. Carinho que só ele, tem fama de ser bem bom. Fica de frente para o rio Guamá

Do lado oposto ao borboletário, as embarcações que levam e trazem os paraenses

O casal do canto superior esquerdo (sogrão e sogra) também não se incomodou conosco e nem com a claridade, hahahaha!

Oásis é um bom termo para descrever o Mangal das Garças. Em meio à loucura e à  correria da cidade, é uma grata surpresa entrar e ver tudo aquilo, mesmo com o calor amazônico generoso.
Além do restaurante, há quiosques dentro do Mangal, que vendem lanches, sucos, refrigerantes e cervejas.

Belém, meus parabéns por ter entre os seus atrativos, algo tão bem aproveitado  e grandioso!


Mangal das Garças
Av. Boulevard Castilho, S/N
Bairro Campina , Belém/Pa
(91) 3242-5052
(91) 3212-5660

Nenhum comentário: