quarta-feira, 11 de julho de 2012

A dupla abóbora e carne seca: delícia!



Abóbora e carne seca formam uma dupla imbatível. Adoro a combinação!
Talvez essa dupla perca para os duetos queijo/presunto e para os comparsas tomate/rúcula, leite/café e queijo/goiabada no quesito fama, mas no quesito harmonização, estou pra ver coisa mais gostosa.

O sabor adocicado da abóbora cai muito bem com o salgadinho da carne seca e ao mesmo tempo que podem ser feitos refogados, podem ser feitos bolinhos, tortas e mais uma infinidade de possibilidades.

Além da abóbora em si, gosto muito do nome dela no Nordeste: Jerimum ou "jermum" para os mais preguiçosos! Acho o maior barato alguém falar que vai comer "cozidão com jermum".

Aquelas abóboras grandes, compradas em fatias na feira, estão perdendo espaço para essas abóboras pequenininhas, que estão "meio" na moda. Em todo supermercado e em toda feira, as vejo!

Não resisti e comprei duas para decorar minha fruteira e mais uma que comi assada com risoto de carne seca, para fazer jus ao equilíbrio da dupla, rá!

A abóbora que ilustra este post foi assada no forno com um punhado de carne seca refogada com cebola no meio.

É claro que a carne seca foi dessalgada, limpa, temperada e refogada com bastante azeite e cebola. Depois de pronta, foi acomodada dentro da "aboborinha" que por sua vez também já estava higienizada e sem metade do miolo.
O tempo para assar varia de acordo com o tamanho da abóbora e da potência do forno, é claro.
O tempo deve ser o suficiente para deixar a abóbora macia e suculenta!




P.S. A invenção foi da Andréa, nossa consultora e voluntária, óbvio!

Nenhum comentário: