quarta-feira, 23 de maio de 2012

Hambúrguer do Seu Oswaldo - tradição no Ipiranga

O Hambúrguer do Seu Oswaldo, é daqueles lugares que tamanha é a história e a tradição, que as filas e o buxixo são inevitáveis.
Fazia tempo que ouvia falar do famoso cheese salada e do quanto a coisa bombava, mas estava esperando a boa hora chegar, e chegou!
A convite do Rapha, Kátia e Camila, combinamos de nos encontrar lá e seguir para um grande roteiro gastronômico.
O Rapha marcou 12:15h.
Eu e o Maridão chegamos meio-dia e a lanchonete ainda estava meia-porta, mas bastou 30 minutos para que tivesse fila de espera.
Fiquei boba!
Esperto foi o Rapha, que chegou e guardou logo um lugarzinho para nós e adiantou o pedido: 8 cheese salada!
É tudo muito simples, mas prático.
Gostei bem do nosso pedido. Não é um sanduíche grande e o pão de hambúrguer, que quase sempre é fofo demais, é do tamanho ideal. Gostei bem!


Conseguimos essa mesinha e por lá ficamos uns bons minutos batendo papo e atualizando os assuntos.

Esse é o chesse salada: tamanho razoável, leve e gostoso. O segredo? O molho de tomate!

Éramos cinco e... é só contar a quantidade de sanduíches na mesa pra ver que teve nego que comeu demais....

O ambiente não é grande. Tem um balcão em U e algumas poucas mesas ao redor.
O pedido é feito direto para os atendentes no balcão.

Geral da lanchonete.

Detalhes do cardápio na parede: preços honestos!

Ser chapeiro está na moda no mundo "gastro-fashion". Não é um trabalho fácil, nem tampouco glamouroso, mas é quem dá o tom do estabelecimento! São feitos muitos hambúrgueres ao mesmo tempo.

Nessa foto dá pra ver bem a quantidade de gente e o buxixo que é. 
As filas de espera são comuns o dia inteiro!

Sandubas servidos no prato de plástico: marca registrada do Hambúrguer do Seu Oswaldo!


Olhando assim de fora, você imagina?

Hambúrguer do Seu Oswaldo
Rua Bom Pastor, 1659, Ipiranga

2 comentários:

Macário Campos disse...

Quem diria uma maranhense viria nos mostrar um bom hambúrguer paulistano.
Mas o verdadeiro, tem maionese com salsinha e alho, batida na casa; e se não pingar na roupa, não vale....rsrs
Bjs.

Ócio, viagens e gastronomia disse...

Delícia de maionese Macário! Hum...deu vontade agora...