segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Parque do Ibirapuera a 34º

Sábado ao meio-dia fez 34º.
Acho que desde que moro aqui nunca senti na pele o sol tão forte como nesse dia.
Há tempos esperava por um sábado como esse, de sol forte e sem compromissos sociais. Resolvemos ir ao lugar mais provável para um dia como esse: ao Parque do Ibirapuera para andar de bicicleta.
O aluguel de bicicletas custa R$ 5,00 a hora e é um preço muito razoável pro tamanho da ciclovia do parque.
Em uma hora dá pra duas voltas e ainda dar umas paradinhas estratégicas. 

Chegamos no ápice do sol e da quantidade de gente no local. Estava bem cheio e muito gostoso.
Adorei o programa!
Cheguei em casa tão moída que não deu pra fazer nada além do que o piloto automático permite, como tomar banho, comer e dormir.

Água. Delícia de bebida no sol.

Água e mais água o dia inteiro.

Umas paradinhas de vez em quando (na sombra) foram necessárias

Gosto dessa foto. Verde e prédios...

Cisnes negros.

Gosto muito de paisagens assim.

Quase todas as crianças de São Paulo estavam lá. Certeza!

A ciclovia estava disputada, mas mesmo assim, ótimo programa.

Quiosque dentro do Parque.
Depois de duas horas pedalando...

Viva o sol!
Existem vários espaços com aparelhos para exercícios. As crianças tomaram conta...




O parque é dotado de uma infra muito interessante. Tem banquinhas de lanches, com salgadinhos, sucos, refris, água de coco (detalhe: do coco!), quiosques, trilhas, pracinhas, banheiros, restaurantes, etc. 
Ficamos 2h30min de bike.
Almoçamos por lá e voltamos pra casa, mortinhos da silva, é claro!

Um comentário:

alana disse...

adorei este post. deu vontade de está lá. da proxima vez que for em SP tenho que ir no ipirapuera.