quarta-feira, 9 de março de 2011

Carnaval em Ilhabela

Como vocês sabem, desistimos do Rio de Janeiro.
Hotéis impraticáveis!
Ainda estou com vontade no corpo todo de pular e me esbaldar, não nego, mas quando penso que poderia estar numa delegacia até agora por fazer xixi na rua, agradeço a Deus. E vou contar, heim? Eu iria fazer xixi na rua! Muito xixi...
A escolha foi Ilhabela. Desde então eu sabia que não seria um carnaval e sim, dias de descanso. Bom também!
Fomos em dois casais: eu e maridão, o André (cunhado) e a Carla.
Ilhabela é linda. 
Possui uma costa grande, com várias praias e um centro cheio de restaurantes, lojas e bares. Não difere muito das outras cidades litorâneas do Brasil, como Búzios, Porto de Galinhas, etc, mas ainda assim, faz um bem enorme conhecer.
Tem bons restaurantes, é de um modo geral uma cidade cara e cheia de gente bacanuda, cheia da grana. Iates, lanchas e jet's passam como ônibus na Paulista. Uma coisa... 
Fomos às praias mais próximas e a uma cachoeira. Fiquei sem fazer nada um bom tempo  (ô diliça!) e como disse num post anterior, o que lascou foi a meleca da enxaqueca!
O tempo não estava lá essas coisas, mas deu pra tomar um sol e ficar livre dos borrachudos, o que foi uma grande surpresa!
Estão comentando por aí que foram tomar um sol em outra costa e nós, ó, adoramos! Cheguei em casa com 6 picadinhas e o maridão com 9.

Aos poucos vou postando tudo. Por enquanto, só pra dar água na boca...

Kit P.N. (porra nenhuma) = Repelente de citronela, bronzeador em spray (vale um post só pra ele), em creme, gel pós sol, lencinhos, óculos e a minha indefectível florzinha de buriti.
Detalhe: citronela só daqui ha 1 ano, pelo menos!

Muito prazer!

Nova viagem, havaiana nova. Dessa vez, original com direito a pimentinha.

Bom, Carnaval mesmo, só teve no domingo, mas não pude ficar. Não estava muito bem e carnaval triste, nem pensar.
Aqui foi no sábado e na passarela, só nos quatro, cantando e pulando, sem música!

Bom, dizem que o que bêbado diz e faz é de coração.
Posso garantir que nesse caso meu coração pedia pra deitar nessa grama verdinha.
A Carla e o André não resistiram também...

Foi passando uma gringa e se ofereceu: "I take a picture" e nós: Tks, hehe

Ilhabela é ponto de parada de cruzeiros. Só vimos um. 
Uma gringalhada de meia e sandália sem fim...

Casarão no Centro Histórico. Muito simpático!

Essa foto é só pra mostrar que passeamos de caiaque e claro, terá um post especial, incluindo o naufrágio do maridão, que ainda bem, continua vivinho da silva aqui do meu ladinho!
Na foto, Carlinha e o André.

Maridão após o naufrágio. Ufa! 
Ilhota em frente à Praia do Julião.

Ô vida besta meu Deus!

A Pousada Vila da Prainha é bem aconchegante (tem post depois).
Tem um Espaço Gourmet que você pode reservar e fazer sua festinha. Interessante.

Vila (Centro de Ilhabela)

Demos uma parada para eu conhecer a igreja. 
Falar com o chefe, né?

A preguiça inspira mesmo...

Sóbria e séria. De manhã...

4 comentários:

joão felipe guterres moraes disse...

A última foto, sóbria e séria é rara como o cometa halley, outra dessa só daq um bom tempo pra te encontrar nesse estado! rsrsrsrsr
Bjos se cuida!

A TRAMANDO TEATRO disse...

Que carnaval maravilhoso o seu! E muito obrigado pelo seu carinho conosco. Muita paz, saúde e amor em 2011.

dadá disse...

sóbria? inacreditável, rsrsrs
que bom! experiência nova no período carnavalesco. E o cortejo do Vandico da Deodoro até o caminho da boiada, juro por Deus lembrei de + de ti.

bjus

Dadá

Marcelle disse...

Que inveja...Que pena que não deu p eu ir....