terça-feira, 10 de agosto de 2010

Nariz gelado.

Acabei de chegar da manicure.
Existem muitos salões aqui perto do meu novo endereço, mas como a gente precisa de uma indicação sempre que é novo em algum lugar, fui perguntar para a atendente da loja de roupas que também tive que entrar.
O salão é muito simpático e as manicures muito educadas. Pena que não sabem fazer. Nada se compara a Cristina, minha manicure tudo de bom nessa vida!
Levantei da cadeira para cair de novo ao ouvir o valor cobrado por essa porcaria de unha: R$ 46,00. Agora já refeita do baque, saí pra comprar uma acetona para tirar o esmalte e aproveitei para entrar numa Lan House para atualizar o bloguito.
Ainda estou sem computador e tentando arrumar a vida e o nariz.
O nariz? Sim, gelado. Um frio danado empurra a vida da gente pra frente e é preciso ser muito forte para tamanha mudança.
De sexta até ontem quando saí de São Luís, foram muitos acontecimentos que mais parecia um filme de ação da sessão da tarde.
Saí na sexta pra festa no Cantinho e na volta um carro bateu no carro de Mamá. Estávamos paradas no sinal vermelho e veio um "super bonitinho" bêbado e pof! amassou a traseira do carro de Mamá. Até hoje não entendo como machuquei meu dedinho do pé, mas tá aqui, roxo e incomodando pra andar.
Fiquei sem dormir essa madrugada e no sábado era o aniversário de Mamis. A Festinha foi ótima com DJ, música instrumental e a parentada toda. Não consegui ligar pra todo mundo porque meu celular quebrou. A festa? Ah, sim, foi até  02:40h de domingo e o saldo foram 13 grades de cerveja.
Se dormi? Claro que não. Domingo era também dia de batalha: limpar a casa... O domingo foi um dia triste para todos de casa e só o que falávamos era sobre minha viagem.

A despedida no aeroporto foi a coisa mais dolorida que já senti nessa vida e jamais esquecerei os olhinhos vermelhos de Vovó, Dinho, Rimão, Ana Paula, Louise e Mamis. Vê-los sentindo minha falta doeu e dói.
Chegar aqui e ser recebida com um poema lindo foi também de doer. Emocionei...
Entrar na minha nova casa toda pensada e planejada pelo "namorido" foi muito bacana. Muitas flores, cartões e frutas espalhadas pela casa davam um perfume especial e esqueci por alguns momentos a tristeza de todos quando me concentrei em saber o funcionamento da máquina de lavar, o gás encanado e as persianas... 
Agora a vida está em andamento, o frio entranha na minha roupa e continuo cansada e com sono.
Para a coisa parecer mais "eu", enfiei as minhas roupas de frio das caixas que vieram pela transportadora e trouxe comigo roupinhas de verão. Isso não é uma coisa bem a minha cara? O que vou fazer com havaianas, shortinhos e camisetas sem manga nessa cidade?
Quando a transportadora trará as coisas? Não sei. A previsão é até sexta.
Por enquanto vou me virando com o que pude comprar e com as meias e moletons do namorido!
Ah, o ap fica perto de muita coisa boa. Vindo pra cá descobri um salão mais em conta, uma feira com muito pastel, uma padoca ótima com mais de cinquenta mil tipos de doces (a pior parte), uma academia em frente, vários restaurantes, um supermercado Extra pertinho e adivinhem? Uma farmácia!!!! Aêêêêê.
Ah e o nariz? Gelaaaaado!

Agora podem voltar a acessar o bloguito todo dia. Voltarei com força total.
Muito obrigada pelas mensagens de carinho, apoio e desejos de felicidade.
Amém.

10 comentários:

Dona Karen disse...

Olha vou te contar...é feio, muito feio enganar mulher grávida ainda mais quando ela é sua amiga.
Liguei horrores pro teu celular sábado e nada: tu, tu, tu parecia orelhão quebrado.
Segunda de manhã fui ao convention e perguntei a márcia sobre você e ela disse: ela foi embora hoje de manhã.
Meu olho encheu dágua. Tá dona Bia.
Tudo bem , passado minhas emoções de grávida a flor do pano, te desejo toda a felicidade do MUNDO!!!Estou feliz que só de tu tá ai com namoradão nesse friozinho e com tuas unhas feitas rsrrsrs
então escreve aqui todo dia, pra eu sentir menos tua falta e lá no meu blog tu sabe da minha gravidez e do teu sobrinho(a) que tá esperando o presente dele até no dia que ele nascer viu sua cara de pau!
Bjos

Anônimo disse...

Querida amiga Bia:

Fico feliz em saber que você está mais perto.
Seja feliz, afinal viemos para esse mundo com esse propósito, ser feliz e fazer alguém feliz.
Quando conseguimos entender que ao fazer alguém feliz, nos tornamos mais felizes ainda a vida se torna mais fácil.
A distância dos seus, será com o tempo amenizada.
Seja feliz em Sampa...quando eu aparecer por ai, te chamo.
Beijos
Tio França

Ócio, viagens e gastronomia disse...

Karen amada. Fiquei sem telefone. Quase morri sem os telefones de ninguém e também sem net (quase sem cérebro, não?). Mil desculpas pelo atropelo, mas fiquei muito sentida de sair sem te ver e sem entregar o presente para o mascotinho...
Estou morrendo de saudade.
Ainda estou enrolada com essa net por aqui, mas vamos falando...

Anônimo disse...

Pôxa! na segunda-feira depois daquela despedida de manhã cedinho, imagina! chorona como sou só parei de chorar qdo cheguei no cantinho, pois por lá ñ temos tempo pra chorar, rsrsrs. Agora mais do que nunca ñ tenho dúvida que estivemos juntas em outras reencarnações, pela tua ousadia, ñ ter medo de arriscar (acho que puxou um pouco pra mim), sabes q já mudei de marido várias vezes, mudei de Estado, mudei de amante, kkk e a pior das loucuras foi abrir um restaurante, é impressionante o vazio que ficou principalmente no final da tarde naquela hora de colocar as fofocas em dia e de comer a "farofa de ovo" do Seu Henrique. Minha amada, que Deus te abençõe nesta nova caminhada com Italo, e seja sempre bem ousada que vc vai longe. Te amo muitooooooooooooooo. bjus

Dadá

silviamgoncalves disse...

Sempre me emociono muito com o que tu escreves, mas hoje, chorei.... Menina, o pisicologico é fogo né? Faz 10.000 anos que não te vejo, mas agora, só porque sei que esta longe, deu um aperto no peito!
Ontem à noite estive com Mama e foi ela quem me contou que você já tinha atualizado e que também já tinha ido embora... Entrei hoje bem cedinho, para te desejar sorte e muitas, muitas felicidades. Feliz sei que já é, mas agora é diferente, porque é uma felicidades sem fim. Está concretizando o que tanto planejou, realizando um sonho!!! Ah, como isso é bom... Não deixe de atualizar esse blog não, estamos aqui sedentos por noticias.

Xero

Ócio, viagens e gastronomia disse...

França Querido... não entendi o "Tio", mas sei que seus sentimentos são os mais carinhosos possíveis.
Agora estou mais perto sim e com vontade de te ver. Sempre!
Apareça sempre por aqui e continue essa pessoa incrível.
Tio?
Não! Querido França...

Ócio, viagens e gastronomia disse...

Dadá muito querida... Esqueci de trazer a farinha amarela pra fazer farofa de ovo. Não será a do Seu Henrique, nem tampouco com o ar retrô do Cantinho, mas tenho certeza que quando comer uma farofam sentirei seu cheiro, verei sua alegria e escutarei suas histórias doidas.
Só agora percebi o tamanho da minha coragem e da minha audácia. Tens razão.
Te amo.

Ócio, viagens e gastronomia disse...

Silviaaaaa, poxa não deu pra gente se ver antes da viagem, mas fico tão, tão feliz por visitares o bloguito, por participares da minha vida.
Vai vir muita doideira ainda por aqui.
O ritmo da cidade não permite que seja diferente...
Fica com Deus e muito sucesso sempre!
Beijos

Marcelle disse...

Que felicidade eu ler este texto! Que maravilha em saber que estás feliz! Quando começares no novo trabalho a felicidade vai aumentar ainda mais! E pode aumentar? Espero que sim nêga, espero que a felicidade não tenha limites para você. Muitas coisas boas ainda virão depois da mudança de cidade, do marido e do emprego novo....ainda virão as viagens dos maranhenses p aí (vai virar guia de turismo de São Paulo), os passeios de Dona Socorro (vixe, já estou até vendo).Tem muita coisa boa e nova para ela conhecer e tenho certeza que vc ficará feliz em apresentar a ela cada cantinho desse. Ainda virão os filhos, os afilhados, os cachorros...
Agora veio um nó na garganta...e como diz nosso amigo Edu: Que merda! Fica bem, nêga e diz p Ítalo p ele não ficar achando que tem plenos poderes só pq vc está aí e não aqui!!! beijos

Dadá disse...

Pois num é Marcelle? nem tinha me tocado que Italo tá se achando "o cara" o dono do pedaço! te cuida negão que logo, logo vai chegar uma reca de nordestino com sua rede de baixo do braço, cuida de colocar os armadores nas paredes, rsrsrs
Bia! já falaste por aí o termo "cachingar" até hj sou sacaneada no Amazonas pq falei que tava cachingando da perna. kkkkk

bjus meus amores

Dadá