segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Grupo Solare anuncia novos empreendimentos no Pará

A forte expansão por qual passa a rede hoteleira no Pará, fortalece a base e a estrutura para o crescimento e desenvolvimento da atividade turística no Estado. Novos empreendimentos em solo paraense no mercado de meios de hospedagens foi anunciada pelo Grupo Solare em coletiva de imprensa concedida, na noite deste sábado (28), Hotel Expresso XXI Nazaré, em Belém.


De acordo com o diretor regional de Negócios e Tecnologia do Grupo Solare, Gilberto Carneiro, a rede irá expandir até 2013, dos atuais 190 leitos para mil unidades habitacionais no Pará, com a construção de novos hotéis em Belém, Ananindeua e Castanhal. A rede de hotéis do Grupo Solare reúne as bandeiras Gran Solare, L’authentique, Expresso XXI e Soft Inn, para atender diferentes públicos consumidores com quartos que variam entre 14m² e 80m². “Implantamos nosso escritório regional aqui em Belém. A Região Norte promete muito. Nós somos gestores de bandeiras, de empreendimentos de terceiros, a maior rede de hotéis brasileira de capital nacional. Hoje, 60% do que é feito no Brasil é hotelaria econômica e executiva. Estamos seguindo uma tendência de mercado”, garante Gilberto


Eu: Boa notícia, né???
Fonte: http://www.diariodoturismo.com.br/

domingo, 29 de novembro de 2009

Chorinho da Beatrice

Eis um pedacinho do meu Chorinho!
Por favor, perdoem a gravação, o excesso de barulho e também o "não ensaio" do Grupo.
Apreciem.
A partitura não ponho ainda, pois não está registrado. Por enquanto, fiquem com o vídeo amador.





Até a próxima.

sábado, 28 de novembro de 2009

Lupa

- É esse pontinho esbranquiçado nesse olho esquerdo...
- Deixa ver. Hum... É somente um depósito de colesterol!
- Colesterol no olho, Doutor?
- Sim. Nada grave, meramente estético. Em nada tem a ver com colesterol no sangue.
- Hunf. Só comigo isso, Doutor!
- Agora diga todas as letras daquele quadro.
- A, V, S, T, U
- Agora diga os números.
- 8, 9, 2,6,0,1,2,2
- Agora diga as letras desse último quadro.
(O quadro realmente tinha letras pequenas)
- I,R,B,Q,S,S,K,P,R
- É como eu falo. Mulher, como sempre, enxergando bem. Até o que não deve!


Explico:
Consulta ao oftalmologista essa semana.
A última frase refere-se aos números fora do quadro que sai falando também...

Obrigada

A vida em si é um grande presente.
Basta estar vivo, sentir o vento batendo no rosto e bagunçando o cabelo, poder escutar os acordes mais lindos, poder ver a realeza das cores cintilando em cada esquina, e sentir os mais apurados aromas.
A vida é uma beleza.
Os tropeços que aparecem também tem lá suas riquezas e geralmente saimos deles mais firmes e fortes. Quero que venham sim, o que peço é força e coragem para enfrentar e seguir em frente.
Tivemos o I Salão de Turismo do Maranhão e está acontecendo o Bumba Ilha. Uma auditoria desde a semana passada e todos as outras atividades normais, incluindo muitas reuniões e as minhas aulas na faculdade formaram uma semana "daquelas". Trabalhei muito. Nem sei como consegui comer e dormir. Falei tanto ao telefone que o coitado descarregava ao meio dia. Colocava pra carregar de novo e à meia noite ele já precisava de mais carga. Também está cansado.
Hoje acordei quando o corpo quis e até agora estava deitava refletindo e agradecendo por  tamanha felicidade.
Tamanha...
Essa semana reencontrei amigos, revi ex-alunos queridos, fiz confissões interessantes, me declarei muito apaixonada, escutei lindas declarações sobre mim, aprendi mais com o egoismo das pessoas, vi na sala da oficina que ministrei (lotação máxima) que estou indo no caminho certo, assisti ao show da Alcione (foi muito bacana), percebi ontem no cantinho da estrela um carinho de muitas pessoas por mim que é indescritível e até ganhei uma música, acreditam?
É isso mesmo! Domingos Santos, o maior violonista sete cordas do Maranhão, fez um chorinho pra mim e tocou ontem em meio ao evento lotado e ainda me deu a partitura. Fiquei muito emocionada e envergonhada, já que foi anunciado no microfone e tudo...
Como agradecer por tanta coisa boa? Sinceramente não sei!
Ao final da noite, ainda ganhei um vaso de lírios (que a propósito foi comprado para o camarim da Alcione) que emoldura minha cama agora...
Meu Diretor acabou de ligar e me imtimar para uma noite cheia de eventos institucionais. Disse não. Não, por tanta felicidade. Quero curtir meu sábado lembrando tudo que passou essa semana e tentando descobrir uma forma de agradecer por tantas graças.

Regional Feitiço da Ilha. Como estavam inspirados ontem... De lá pra cá: Vandico, Domingos, Juca do Cavaco, Chico Nô e Zezé da Flauta(fazendo uma participação especialíssima)

Amigos queridos... Em sentido horário: Fábio, Sônia, Edu e Augusto.

É claro que ela não passaria em branco... Aqui Mamis e Tião Carvalho.

Cunhadinho, Bel e Mamis

Os lírios embelezando meu quartinho. Sim, é um papai noel na porta. Em cada porta aqui do apzito tem um! Hehe


Eu com um sorriso largo, minha partitura e Domingos.
Que delícia!!!! Sempre quis saber como era a sensação de ser a inspiração pra uma música... Pronto! Agora só falta lançar um livro e ser mãe, porque a sensação de inspirar poesias também já está ok!

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Oficina de Roteiros Gastronômicos


Amanhã das 15h às 19h ministrarei uma Oficina sobre Roteiros Gastronômicos no I Salão de Turismo do Maranhão. Vejam o cardápio:

Entrada:
A alimentação e as viagens
A gastronomia e seu passeio no turismo

Prato Principal:
Oficina de roteiros gastronômicos do Maranhão

Sobremesa:
Apresentação dos roteiros (pelos alunos)

Bebidinha pra acompanhar:
Lançamento do Carnaval no Centro Histórico!

Até lá!

Desembarques domésticos batem novo recorde


Os desembarques de voos domésticos bateram em outubro um novo recorde. A movimentação de 5,4 milhões de passageiros superou os 5,1 milhões registrados em julho passado, até então o melhor resultado mensal da série histórica.


O acumulado de janeiro a outubro, com 45,4 milhões de desembarques, também foi recorde nesse período. Em relação a outubro de 2008, que registrou 3,9 milhões de desembarques, o aumento foi de 36,9%. Se comparado com o mês passado, o crescimento supera 10% .

“Os resultados obtidos até agora nos levam a crer que chegaremos ao final do ano com mais de 54,5 milhões em desembarques domésticos, o que confirma o acerto das ações do Ministério do Turismo para estimular o brasileiro a viajar pelo país”, comenta o ministro Luiz Barretto, referindo-se aos programas voltados para o público jovem e da terceira idade, campanhas publicitárias, estruturação de roteiros nas várias regiões, promoção de destinos, entre outras.

Mantendo-se o atual ritmo de crescimento, a expectativa é de que os dados de desembarques em novembro, mesmo faltando o registro de dezembro, superem o recorde anual alcançado em 2007. Naquele ano, a movimentação nos aeroportos brasileiros ultrapassou os 50 milhões de passageiros.

Os dados relativos a desembarques domésticos e internacionais são da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero).

ASCOM MTUR

Vejam essa...

Uma empresa espanhola está oferecendo galinhas de aluguel para que as pessoas possam obter ovos frescos direto da fonte.

O serviço, criado por dois jovens agricultores de Navarra, no nordeste da Espanha, inclui a entrega do animal em domicílio, galinheiro, ração e a garantia de ao menos seis ovos por semana.
O aluguel custa cerca de R$ 190 por mês e pode ser feito por um período máximo de um ano, já que, segundo os idealizadores do serviço, as galinhas são animais sociáveis e não precisam de um galo para botar ovos, mas se deprimem depois de uma longa temporada sem outros seres de sua espécie por perto.
A empresa, chamada "Aluga uma Galinha", está no mercado há três meses, mas o sucesso é tanto que já estão surgindo pedidos de outros países europeus, como França e Alemanha.
Um dos sócios, Eduardo Otxoa Rodrigo, diz estar surpreso com o sucesso do projeto, principalmente entre famílias de classe média alta de centros urbanos como Madri.
“Talvez porque muitas crianças nem saibam de onde vêm os ovos e estão descobrindo as possibilidades de um animal de companhia meigo, útil e que não dá trabalho, porque não precisamos levá-lo para passear”, afirma.
Otxoa diz que os animais de sua granja são nascidos e criados em liberdade e, por isso, não são recomendados para apartamentos pequenos ou casas sem jardim.
No site da companhia, Otxoa avisa que a falta de jardim não é um impedimento para o aluguel, mas sim uma dor de cabeça para o consumidor, que teria de limpar frequentemente a casa, e porque as galinhas são mais felizes na terra ou grama.
Depois do prazo máximo de aluguel, de um ano, a opção é devolver, comprar ou apadrinhar a galinha. A compra definitiva do animal com o galinheiro sai por por R$ 500 e inclui comida para um ano e outra galinha de presente.
Quem gostou do animal, mas decide devolvê-lo, pode apadrinhá-lo por R$ 100 por mês, com direito a todos os ovos postos pela galinha, além de visitas à granja.


EU: porque não tive essa ideia antes????

Fonte: uol

As pessoas...

Tenho uma frase péssima como lema: "as pessoas não prestam!". Explico: só uso esse lema quando vejo o lado ruim das pessoas, o que infelizmente, aparece sempre. Amanheci pensando numas coisinhas que vi ontem e que se reforçaram agora pela manhã: as pessoas não prestam!
Vi gente vendo as coisas acontecerem, a empolgação de quem fez e os que não prestam, adivinhem? Falando mal e botando defeito em tudo;
Também percebi inveja (cruz credo, sai pra lá!!!) por parte de muitos por não estarem fazendo a coisa. Como pode?;
Hoje vi gente botando defeito em tudo sem ver o lado bom da ação;
Gente dizendo que sabe tudo, que faria melhor, que se, que se...
Criaturinha dando ordens achando que é  dono do mundo...

Quando essas pessoas vão perceber que a arrogância não leva a lugar nenhum? Que todos somos iguais e suscetíveis às mesmas doenças? Que basta respirar errado pra morrer?
Essas pessoas me decepcionam...

Flashes do Salão

A abertura do I Salão de Turismo do Marnahão aconteceu ontem em meio a muita confraternização. A solenidade foi marcada pelos protocolos da vida, mas nós, turismólogos, estávamos em  êxtase com a possibilidade de rever todo mundo e dar uma melhorada na autoestima que a propósito, andava lá no mangue...
Revi muitos amigos queridos e muita gente boa que trabalha em outros lugares e que só em momentos assim dá pra ver e fofocar sobre tudo!!!!
A feira estava bem movimentada e alguns artistas se destacaram na proposta de representar os pólos maranhenses. Enoc, que sempre se destaca em tudo o que faz, na minha opinião conseguiu representar bem a Floresta dos Guarás. Pena não ter os devidos créditos, assim como não ter um tóten (ou algo parecido) para explicar a proposta do artista e também um breve descritivo sobre o pólo em questão, mas vamos às cenas e aos personagens...




O Pólo Floresta dos Guarás por Enoc, artista plástico e turismólogo (desculpa!)


Pólo Lagos e Campos Floridos por Marlene Barros

Nossos voduns, representado por Miguel Veiga


Dois grandes amigos "das antiga". Junior de Barreirinhas e seu pai. Visitem a exposição dele no Salão. Está divina!

Lu e Josi (estande da Faculdade Sao Luis)


O estande das entidades. Ó o São Luis Convention aí gente!!!

Não sei não, mas eu acho que estamos (ou somos???hehe) lindas. Lu, Josi e euzinha!

Uimar Junior, um super figura do nosso turismo. É artista, ator, agente de viagens e palhaço nas horas vagas. Aqui, como Mulher Babaçu. Não é o máximo???


Reencontro bom... Lu, Josi, Wendel Mello, José Leane Borges e Luiz Antonio Pinheiro. Que delícia ver todo mundo junto!!!

Estande da ABBTUR: Prof. Roselis, Cintia, Silvinha, Ana Kate e Liz Renata.

Ainda no estande da ABBTUR: Prof. Vanda Freire, Silvinha, Ana Kate, Prof. Luiz Antonio, euzinha e Lu. Só turismólogo invocado!!!

Eu e Prof. Luiz Antonio no estande da FACAM.

Prof. Vanda Freire e Eldina (tolinha) no estande da FAMA.

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Hoje começa o Salão de Turismo

Começa hoje o I Salão de Turismo do Maranhão.
Passei a manhã lá e achei tudo bem bacana.
Os artistas estão com a criatividade em alta e os estandes estão numa disputa louca. Já tenho os meus preferidos...
Esse bloguito aqui vai trazer imagens e a cobertura pela metade. Não, não vou fazer a cobertura completa por que não dá, tenho que trabalhar, né?
Mas vou ver o que dá pra fazer...
Ah, vi a luminária dos meus sonhos de agora hehe. É de talos de jussara. Linda, linda, linda. Já reservei!

Inté lá.


terça-feira, 24 de novembro de 2009

Santo Amaro do Maranhão

Fui a Santo Amaro com os alunos do segundo período no final de semana que passou.
Foi bem bacana e eu dormi bastantão. Acordei domingo muito descansada. Nem parecia que tínhamos passado os perrengues para chegar àquele paraíso.
Eu, de tão louca e acelerada (talvez) fiz os meninos descerem antes da parada,  dá pra acreditar? Morremos de rir e tive que aguentar a chateação até o final da viagem. Fazer o quê? Quem manda ser lerda?
Lá fomos nos subindo no ônibus de novo...
Cidade pacata. Continua a mesma.
As lagoas estão vazias, mas deu pra refrescar muitão. Curou a ressaca dos meninos e deu uma alegrada nas meninas.
A comunidade continua com o impasse sobre a estrada e muitos alunos mal sabem de que lado ficam, se do progresso ou da natureza (no caso de Santo Amaro é incrível como ninguém fala na possibilidade de aliar progresso e preservação, mas tudo bem!), mas estou louca pra ver o resultado dos trabalhos de todos.

Vejamos algumas passagens:


Pracinha à noite... ô beleza!
Nós, meninas, na praça!
À procura de um lanche
Pousada Água Doce, a nossa pousada!
Em Santo Amaro é assim: ninguém nas ruas e a vida vem a galope
Almoço exótico: cabrito cozido!
As toyotas que nos levam ao paraíso
Discutindo turismo...
O clube Play Boy é quase a única opção de entretenimento. Vejam o paredão de reggae atrás!
Os meninos da viagem
De novo... a toyota
Chegando nas dunas
Tem que ter uma ajudinha pra subir, não tem jeito!
Lagoa um pouco vazia, mas o cenário continua lindo...

O cenário que eu mais gosto...


Explicações

Outro dia li no Querido Leitor a Rosana Hermann dizendo que todo mundo no Brasil adora dar explicações.
Parei pra pensar com meus botões e concordei na mesma hora. Lembrei até das vezes em que eu mesma me explico para os outros: no caixa de supermercado, na casa de mamis, para os alunos, para os amigos, para Goreth e Godofredo (minha galinha e meu peixe-boi) em casa e por ai vamos.
Hoje estava numa fila interminável numa aloja aqui no centro da cidade. Sem muita demora, vejo um senhor conversando com a caixa e adivinhem o que ele estava fazendo? Se explicando, craro cróvis!
Falava que a "patroa" dele é muito generosa e que era aniversário dela hoje. Tinha que dar um presente... Fui ficando impaciente e já tava quase falando umas reclamaçõeszinhas quando ele se chegou pra perto e me disse: "ela ainda me deixa na porta de casa todo dia!"
Deu uma vontade de falar: "e eu com isso?", mas calei e continuei a espera na fila.
Adolescente, que tem a obrigação de se explicar, não quer!
Nós, adultos, saimos por ai dando explicação pra tudo. Que coisa!

Rapidinho, cheguei no escritório e fui logo explicando para os colaboradores o que significavam as minhas sacolas... hunf!

Aos turismólogos de plantão!

A ABBTUR terá um stand no I Salão de Turismo do Maranhão!!!
O stand receberá todos os turismólogos de 25 a 28 de Novembro e será localizado no FOYER do Centro de Convenções na área de entrada do auditório principal, assim como muitas outras entidades.

O STAND DA ABBTUR VAI ACOLHER TODOS OS TURISMÓLOGOS QUE QUEIRAM UM ESPAÇO PARA COLOCAR SEU BANNER, SEUS CARTÕES DE VISITA, PARA QUEM TIVER INTERESSE EM PERMANECER NO STAND PARA FAZER CONTATOS COM EMPRESAS E OUTROS VISITANTES. GESTORES DE VÁRIOS MUNICÍPIOS MARANHENSES ESTARÃO PERCORRENDO A FEIRA E PODEM ESTAR À PROCURA DE UM PROFISSIONAL DE TURISMO PARA DESENVOLVER SEUS PROJETOS.


Aproveitamos ara comunicar que vc terá a oportunidade de saber e se integrar aos trabalhos que estão sendo propostos para o Estado do Maranhão. Lembrando que dia 28/11 haverá uma palestra do prof° Clézio Amorim no Espaço ABBTUR  para profissionais de Turimo e Hotelaria.


EU: Amei a idéia!


Fonte: Assessoria ABBTUR/Ma

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Quem nunca brincou de stop?

Foram inúmeras às vezes em que perdi pontos porque em meio às aulas eu estava brincando de “stop” com minhas amigas. Coitadas das professoras de Religião, Educação Moral e Cívica e OSPB que passavam a aula falando pro vento. Julgávamos serem disciplinas menos importantes e por isso elas sempre foram sacrificadas. Associo a essa leviandade de adolescente a minha repulsa por muitos símbolos pátrios e o meu zigue-zague junto às religiões hoje em dia.


“Stop” sempre foi uma febre entre nós e não há ninguém da minha geração que não tenha investido horas a fio nessa brincadeira e que não saiba que damasco é a única fruta com letra D que existe!

Era uma brincadeira muito educativa. Éramos obrigados a ver TV, assistir novelas, saber das tendências de moda, automóveis, cinema, música e comportamento.

Hoje por exemplo, seria muito mais fácil a brincadeira. Vejam só as opções de cores: fúcsia, nude, gelo, tabaco, rosa chiclete, verde hortelã, cimento, ácqua, flúor etc.

Eu sempre fui um pouco lerda e na maioria das vezes estava escrevendo quando alguém dizia “stop”. Só conseguia ganhar quando o quesito cantor/compositor era o desempate, já que ninguém nunca sabia que cantores eram aqueles que eu escrevia. Como cobrar das amigas que conhecessem Núbia Lafayette, Altemar Dutra, Noel Rosa, Cauby Peixoto, Orlando Silva, Carlos Gualhardo, Silvio Caldas, Ângela Maria, Emilinha Borba, Dalva de Oliveira, Noite Ilustrada, se a moda era Menudo, Ciclone, Dominó, Tremendo, Sidney Magal, Fabio Junior, Biafra, José Augusto, Marcio Greyck, Kátia (a cega, lembram?) e todos os que apareciam no Chacrinha ou no Clube do Bolinha?

Bom também seria preencher a lacuna para carros e ter as opções de agora, já que basta inventar qualquer nome e dizer que é de carro que o outro acredita. Também com a quantidade e criatividade de hoje, vou contar...Que tal Sorento, Captiva, Tucson, Sandero, Livima, Megane, Locker, Toureg, Prisma, Punto dentre outros contra os clássicos Fusca, Corcel, Belina, Variante, Monza, Fiat 147, Del Rey, Chevete, Brasília, Opala, Caravan, Parati e Gol?

E os lugares? Ah os lugares...

Esse quesito eu adorava e antes mesmo das loucuras de Zelaya para fazer seu país ficar famoso, eu era a única a escrever Tegucigalpa sem medo de ser feliz e ficava só esperando para passar na cara do povo que era a capital de Honduras. Foi também estudando para me destacar no “stop” que descobri Belmopan, Georgetown e Paramaribo. Acho que vem daí minha paixão por lugares, pessoas, usos e costumes.

Nunca assisti por completo “Dançando na Chuva”, “Casablanca”, “E o vento levou”, “Bonequinha de luxo”, “A Noviça Rebelde” e “O Poderoso Chefão”, mas eram clássicos e tínhamos a obrigação de saber pelo menos o nome. O motivo? O “stop” é claro!

Como o Brasil não tinha lá fama de ser bom de cinema, não fomos orientados a assistir “Bonitinha, mas ordinária”, “Bye Bye Brasil” e “Xica da Silva” dentre tantos outros do cinema novo, mas sabíamos os títulos para poder não perder na famosa brincadeira. Permitido mesmo eram os inúmeros “Os Trapalhões” até chegarem às telas “Ghost”, “Dirty Dancing”, “Curtindo a vida adoidado”, “A Garota de Rosa Shocking” e todos os outros onde o Patrick Dempsey não era a gostosura de agora! Esse “stop” fez história mesmo!

A aula era sim o melhor momento de brincar e o fato de driblar o professor nos dava um certo crédito junto aos colegas e quando apostávamos em duplas, tinha briga para quem ficava com o mais forte. Como eu era a nerd da turma, desempatávamos com minhas pérolas antigas. Ponto pra gente!

Pena não ter tido nenhum campeonato de “stop”. Nesse quesito, nós meninas, perdíamos para os meninos que faziam campeonatos de futebol de botão, peteca, xuxo (você lembra?) e até de papagaio. Esses meninos sempre com o espírito de competição mais aguçado, tsc tsc...

Tivemos a sorte de assistir folhetins como “Tieta”, “Roque Santeiro”, “O Bem amado”, “Guerra dos Sexos”, “Ti ti ti”, “Pão Pão Beijo Beijo” e “Selva de Pedra”. Boas histórias e inesquecíveis personagens nos faziam ter no quesito novela nossa preferência.

Não sei se hoje ainda se brinca de “stop”, mas garanto que tudo que citei aqui tem a contribuição dessa brincadeira pra lá de educativa e pensando bem, talvez as aulas não tenham feito muita falta mesmo...

E você, sabe se existe uma outra fruta com a letra D???



Até a próxima!

Jornal Cazumbá, novembro 2009.

Comida de astronauta




Comprei essas frutas desidratadas (liofilizadas) para lanchar, na falta de tempo.
Comprei maçã, abacaxi e banana. Gostei bem.
O processo de liofilização permite secar a fruta deixando o mesmo gostinho. A fruta é submetida a baixas temperaturas fazendo com que a água passe para o estado gasoso e não perca seus nutrientes.
É tudo bem crocante e achei "mais divertido" do que gostoso, mas valeu ter experimentado. Confesso que me senti um pouco astronauta na hora e fiquei imaginando um bife, ovo e outras iguarias, mas rapidinho esqueci e fui atrás da diversão!
Passou a fome na hora do lanche sim, senhor!
Gostei mais do abacaxi, embora seja bem azedinho.
Só nessas horas percebemos a quantidade de açúcar das frutas. Impressionante.
Taí a dica!

Blog do Cantinho

O Cantinho da Estrela é um espaço que gosto muito.
Vi nascer desde o projeto e acompanho hoje com muito carinho.
Vejo agora o espaço tomando corpo e frequentado por gente bacana. Isso muito me anima.
Agora ele está crescendo e tem Blog.
Vejam as novidades para o Natal e Reveillon aqui

Notícias

Cheguei!!!!

Cheguei de Santo Amaro ontem e já tô na ralação.
Vou almoçar com Wendulas e Josi. Ôba!!!!!!!
Mais tarde volto!!!


Inté

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Loja em época de Natal

Você entra na loja e vê tudo verde e vermelho.
Muita gente.
Coisas desarrumadas.
Vendedores estressados.
Promoção.
Filas intermináveis.
Até aí, tudo bem. Você já está no clima de hohoho.
Pra fuder com tudo mesmo, sabem o pior?
Tem ao fundo o disco de Natal da Simone! Alô alguém aí. Me faz o favor de gravar um outro cd plissssss????

Movimento

Tenho reclamado muito por não estar fazendo uma atividade física. Sério mesmo.
Minha esteira teve que ficar um pouco parada porque eu estava incomodando os vizinhos com o barulho, pode? Mas entendo perfeitamente. Ninguém merece um barulhinho intermitente as 6h da mahã ou mesmo as 22h, que a propósito, são os horários que estou em casa (seria eu, um burrico de carga?)!
Não praticar exercícios físicos associado á minha mentalidade de gordo deu em que? Heim? Quilinhos a mais e um tecido adiposo um tanto saliente, é claro!
Isso não é nada fácil para quem é vaidosa e adora ser magra, podem crer!
ABRE PARÊNTESE (reclamo reclamo, mas basta ver uma lata de refri que ja tô me jogando em cima...aff) FECHA PARÊNTESE
Enfim, parei de reclamar e estou fazendo uns exercícios que não sei bem o nome na micro piscina do meu prédio com um professor de natação (uma mistureba boa).
Comecei hoje as 7h, porque era o único horário disponível (queria mesmo às 6h) e já arranjei uma coleguinha meio idosa para  compartilhar desses momentos. Idoso é muto engraçado, só fala de doença e dos filhos, já repararam? Um barato.
E eu, hipocondríaca assumida, vou dando corda e passando umas receitinhas também. Elas adoram (que diria vovó...).
Também já falei das minhas saladas que não sou besta e a coleguinha adorou! Dizendo ela, vai fazer amanhã.
Agora no final da manhã tô com um sono danado, mas nada que uma boa concentração não resolva.
Ainda estou na fase do ânimo... Amém.

Inté!

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Insônia

Engraçado...
Ando sem sono esses dias. Tenho dormido muito tarde e acordado cedo. Só vejo uma leve preocupação lá no fundinho da cachola, mas nada grave ou que não possa resolver ou que fique sem dormir. Meu sistema de alerta está muito ligado e estou recebendo "a fatura" em todo corpo. Meus músculos (que já são poucos) estão doloridos sem motivo aparente.

Resolvi levantar da cama para ver meus e-mails e achar o tal sono perdido.
Comecei a remexer em coisas de 2005, 2006, 2007 e achei cada pérola, cada cena inusitada, cada documento que nem sei de onde tirei tanta inspiração para fazê-los.
Adorei rever alunos que não lembrava mais.
Amei ver paisagens que estavam gravadas em mim, mas nas páginas lá do fundo da consciência.
Delícia pura!



Olhem que cena... chupando caju na Baixa Grande, um dos oásis dentro dos Lençóis Maranhenses.
Minha primeira expedição...

Kátia Lino e eu em "As Expedicionárias". Expedição Lençóis.  Saudade...



No topo (com a bola na cabeça), eu brincando com uns menininhos na maioba, bairro humilde de São Luis; Com o chopp, ótimas lembranças de uma viagem ao Rio de Janeiro; a do Pôr do sol, uma das viagens com alunos mais divertidas e bacanas: Tutóia;
E por último, o redário mais lendário da minha vida: Ilha dos Lençóis (Cururupu) onde passei dias ótimos com o saudoso Lopes e Kátia Lino.
Muito bom lembrar de tudo isso...


segunda-feira, 16 de novembro de 2009

24h de Tambor

Aconteceu nesse ultimo final de semana o projeto 24h de Tambor, promovido pelo Instituto Bem Comum, um ONG aqui do Centro.
O QG foi a Praça da Saudade, bem em frente ao Cemitério do Gavião, um lugar emblemático e muito festeiro, por mais incrível que possa parecer.
Estava trabalhando, mas em meio a uma carona básica, acabei parando por lá. Foi muito bacana e consegui capturar essas imagens rápidas. Ruins (também achei), mas dá pra ter uma ideia da coisa...
Vejam um pinguinho de gente bem no meio do Tambor. Até de saia de chita ela está. Uma gracinha! Vendo aquela criaturinha ali no meio, fiquei mais tranquila. O Tambor não vai morrer jamais...
Tambor Catarina Mina.


sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Um milhão e meio

- Alô.
- Alô. Dona Beatrice?
- Sim, com quem eu falo?
- Aqui é o Marcelo* da imobiliária "vinagrete com azeitona*".
- Sim...
- Dona Beatrice eu estou ligando para agendar com a senhora uma visita ao mais novo empreendimento de São Luís. O Yle Saint Louis.
- Hum... é aquele na península da Ponta D'areia?
- Sim
- Aquele com elevador exclusivo e cozinha gourmet? Um por andar...
- É sim. Que bom que a senhora ja sabe muita coisa sobre ele!
- Marcelo, quem te passou meu telefone quis te pregar uma peça, porque só na próxima encarnação eu teria dinheiro pra comprar esse apartamento criatura!
- Não diga isso D. Beatrice, por favor. A senhora não quer agendar pra dar uma olhada mais de perto? Temos um apto decorado...
- Não querido, obrigada mesmo. Devo entrar em depressão profunda depois dessa visita, tá louco?
- Posso então ligar quando tiver outros "mais em conta"?
- Sim, por favor... bem em conta mesmo, heim??
- Obrigado D. Beatrice e vai desculpando aí...
- Tudo bem(???!!!??). Tsc tsc...
*os nomes com esse indicativo são fictícios.
Yle Saint Louis é um apto que, dizem as más línguas, custa um milhão e meio...

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Classificados

Preciso de um Gerente de Eventos e de um Assistente Administrativo Financeiro para o Cantinho da Estrela com um "tantinho" de experiência...
Enviar curriculo para beatrice.borges@hotmail.com
URGENTE!!!!

Doses e aperitivos para a sexta

Pixinguinha e Mestre Antonio Vieira receberão homenagens do cantor e compositor Chico Nô e do Regional Feitiço da Ilha nesta sexta-feira, 13, a partir das 19h30min, no Restaurante Cantinho da Estrela (Rua do Giz, 175, Praia Grande, em frente à Praça Valdelino Cécio).
Alfredo da Rocha Viana, o Pixinguinha, terá músicas tocadas tanto na parte instrumental da noite, quanto na parte cantada. “Pixinguinha é um dos maiores mestres do choro e da música brasileira como um todo. Tem muitas peças instrumentais bastante conhecidas e populares, mas também muitos compositores puseram letras em suas belíssimas melodias”, adiantou Chico Nô (foto), citando, entre outras, Lamentos, Rosa, Carinhoso e Iaô, entre outras que estarão no repertório de sexta-feira.
Formado pelo próprio Chico Nô (voz, violão e percussão), Juca do Cavaco, Domingos Santos (violão sete cordas) e Vandico (percussão), o Regional Feitiço da Ilha terá como convidado o cantor Neto Pepperi, um dos grandes sambistas maranhenses, formado na escola da noite, sempre prestigiando grandes mestres, como o homenageado Antonio Vieira, falecido em abril aos 88 anos, Cesar Teixeira e Josias Sobrinho, entre outros.
Já tendo feito homenagens a Noel Rosa e Cartola, as noites de sexta-feira no Cantinho da Estrela já se tornaram o novo point da Praia Grande para os apreciadores de boa música. Eis uma boa pedida. O couvert artístico individual custa apenas R$ 5,00.
Sábado – Também integrado por Chico Nô, o grupo Conversa de Botequim realiza, aos sábados, a partir de meio-dia, uma roda de samba regada a feijoada. No mesmo endereço. Neste sábado, 14, o grupo ocupará a praça Valdelino Cécio, em frente ao Restaurante Cantinho da Estrela. “Com o fechamento da Padaria do Francês, esse importante cartão postal, que tem o nome de um importante poeta, está abandonada, escura, maltratada. Nosso samba-ocupação é uma tentativa de reanimá-la e para isso a gente conta com a presença dos amigos e dos apreciadores de boa música”, explicou Chico Nô, fazendo um chamamento ao público.
SERVIÇO SEXTA 13
O quê: Homenagem a Pixinguinha e Mestre Vieira.
Quem: o cantor Chico Nô e o Regional Feitiço da Ilha.
Quando: dia 13 de novembro (sexta-feira), às 19h30min.
Onde: Restaurante Cantinho da Estrela (Rua do Giz, 175, Praia Grande, em frente à Praça Valdelino Cécio).
Quanto: R$ 5,00 (couvert artístico individual).Maiores informações: pelos telefones (98) 8814-1407, 8724-2940.
SERVIÇO SÁBADO 14
O quê: Roda de Samba com Feijoada.
Quem: o cantor Chico Nô e o grupo Conversa de Botequim.
Quando: dia 14 de novembro (sábado), ao meio-dia.
Onde: Restaurante Cantinho da Estrela (Rua do Giz, 175, Praia Grande, em frente à Praça Valdelino Cécio).
Quanto: R$ 5,00 (couvert artístico individual).
Maiores informações: pelos telefones (98) 8814-1407, 8724-2940.

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Dica de Curso

Meu povo, vejam que legal!!!!!

Saudade do meu tempo de Presidente do C.A. de Turismo...

Novela Rota das Emoções

Durante a reunião do Fórum de Governadores do Nordeste, realizada no dia (6) em Fortaleza/CE, os governadores do Piauí e Ceará elaboraram um documento que será enviado para o Governo do Maranhão. Wellington Dias e Cid Gomes manifestam apoio aos pleitos de Roseana Sarney para o turismo da sua região, pedem que ela mantenha o Estado na Rota das Emoções, mas condicionam isso à manutenção de tudo o que já foi acordado anteriormente, quando o governador era Jackson Lago.

Roseana Sarney interrompeu os trabalhos do lado maranhense pela Rota das Emoções, que envolve a região de Barreirinhas e os Lençóis Maranhenses, o Delta do Parnaíba, e a região de Jericoacoara, no litoral cearense. Em visita recente à Timon/MA, a governadora do Maranhão reclamou o fato de Barreirinhas não ter sido contemplada com um aeroporto internacional. Wellington Dias respondeu pela imprensa que não é contra, mas questionou sua viabilidade, tendo em vista que as obras de ampliação do aeroporto de Parnaíba já estão na reta final.

Na carta, W. Dias e Cid Gomes reafirmam a intenção de manter o consórcio e manifestam apoio para que Roseana pleiteie o aeroporto internacional, o asfaltamento da BR-402, e ainda a inclusão de mais municípios no Plano do Meio Norte de Desenvolvimento junto ao Governo Federal. O documento foi elaborado em Fortaleza porque a governadora estava ausente.

Sílvio Leite, secretário de Turismo do Piauí, disse ao Cidadeverde.com que o documento abrange os pleitos da governadora, mas deixa claro que é preciso manter o projeto já elaborado para a Rota das Emoções. “Isso está muito claro na carta de apoio dos dois governadores. É uma decisão técnica, não política”, destacou.

O secretário fez questão de lembrar que partiram de Roseana Sarney os primeiros esforços para desenvolver o turismo na região de Barreirinhas, desde o seu primeiro mandato como governadora. No entanto, lembrou que a escolha de Parnaíba foi técnica, e aprovada por um grupo de trabalho com 12 ministérios e outros órgãos federais e estaduais durante quase um ano. Na opinião pessoal do secretário, um outro aeroporto internacional não seria prioridade no momento para a Rota das Emoções.

“O que nós achamos é que o país não está nadando em dinheiro para retirar R$ 100 milhões. Isso é o mínimo necessário para se construir um aeroporto internacional”, concluiu Sílvio Leite.
Fonte: Jornal Pequeno

A minha alma

O ânimo de acordo com meu super dicionário Michaelis para computadores significa coragem, valor, intenção. Rapidamente também fala do seu famoso antônimo: o desânimo (cruz credo bangalô três vezes),mas esse não dei muita bola hoje!
É que tudo nessa vida, inclusive a forma de enxergar um signficado depende da alma em questão. Nesse caso, a minha!
A alma depende de boas notícias, de bons ventos, ótimos fluidos e de energia positiva para poder se travestir de coisas boas e transpassar o corpo físico iluminando todos que estão pela frente. Se tudo estiver indo para o rumo que queremos (embora nem sempre o certo!), ótimo. Ânimo total e você tem energia de sobra para o trabalho e para todo o resto.
Caso as coisas não estejam como você quer, aí já viu! Até corcunda você fica de tão pra baixo que fica seu semblante. Diz aí se não é?
Hoje vislumbrei uma luz no fim do túnel.
Está lá looooonge... Difícil de chegar ainda, mas como é bom ver um fio de luz... Significa que há esperança e que é possível ser iluminada por ela.
Vendo isso a minha alma se encheu de esperança e se renovou de uma forma muito gostosa. Nada demais, mas é muito bom ter uma luz para alcançar.
Ânimo é a palavra de ordem.
Vou seguindo com a alma armada e apontada para a cara do sossego...
Pra frente e avante (ei, vocês lembram dessa???hahaha)!

Dia do Trigo

Tudo bem, tudo bem, eu sei que tô a pior blogueira desse mundo, mas quero deixar bem claro que vou melhorar, tá? Que não vou mais chorar as pitangas e que vou esquecer essa baboseira de dormir, descansar e viver a vida. Uma besteira isso, né?
Bom, vi minha agenda hoje e o mais legal do dia foi saber que hoje é o Dia do Trigo! Não é o máximo isso??? Fala aí! O trigo tem o seu dia e pode relaxar, curtir uma praia e descansar sem ser importunado...
Enquanto isso os pães, croissants, bolos, doces, coxinhas, risoles e empadinhas estão saindo do forno para homenageá-lo, assim como os espaguetes, raviolis, lasanhas e capelletis estão sendo cozidos para saciar a fome de alguém.
Desde a santa ceia que o trigo tem uma importância divina e pensando bem, acho que ele teria que ter sim um dia pra ele.
Então, viva o trigo!
Vou ali comer um salgadinho já já....

domingo, 8 de novembro de 2009

Preparativos para o final do ano

Gente do céu, as coisas estão acontecendo numa velocidade de doer. Tudo e todos se preparando para o natal e para as festividades... ai que legal. Adoro isso!!!
Então estou lançando a pedra fundamental para os brindes desse bloguito! Estou montando um pequeno quiz para nossos ilustres ociosos e só vai ganhar quem responder. Ocioso anônimo não vale!
Terei também umas lembrancinhas especiais para uns queridos da blogosfera, mas depois explico aqui tudinho.
Por enquanto tô com a cabeça fervilhando de ideias e claro, sem um puto no bolso, mas sem traumas. Vou tentar dar um jeito.
Bem meus caros, um bom domingo.
Com os olhos ardendo vou ficando por aqui.
Inté!

sábado, 7 de novembro de 2009

Seu Ubaldo: uma figuraça!



Seu Ubaldo é o meu parceirão. Entrou na minha vida numa corrida de taxi de 5 minutos e que custou 5 pilas.


Bastou ele me dar trela pra eu ir logo gostando... Quem me conhece sabe que sou assim, digamos, "dada" e que adoro uma prosa e um bom furo de reportagem.


Pois seu Ubaldo foi ficando e ficando e hoje é da família. Sabe todos os endereços, sabe o nome do povo todo e já participou ativamente de alguns momentos marcantes da minha vida. Já me viu chorar, cantar, sorrir, gargalhar, xingar, pedir perdão, orar e meio chumbrega...várias vezes (abafa!!!)!!!!


Conversa que só ele... Acho que só perde pra mim e pra Eduardo! Pra tudo tem uma história. Tudo que falo ou cito ele já passou nessa vida, nunca vi igual! Ele já atirou, já caçou, já brigou e ja partiu pra cima de muita gente, arrumando confusão, é claro! É cabra macho sinsinhô.

Além disso sabe consertar carro, é pedreiro, encanador, marceneiro e mestre de obras. Tudo faz, tudo sabe. Dirige como ninguém, mas brigo todo dia quando ele insiste em passar de todo mundo e de ir se infiltrando pelas brechinhas. Contra isso, saco meu infalível "cascudo" lá de trás. Explico: sento sempre no banco logo atrás dele (talvez uma cartomante saiba o porquê) e é dali que dou uns "cocorotes" em sua cabeça quando ele faz alguma coisa errada.


Em seu táxi durmo, corro e me transporto diariamente. Ele já sabe os horários, os destinos e me acorda na porta dos compromissos. Me chama de "professora" e inaugurou comigo o "ubaldocard", ou seja, tenho crédito para pagar no final do mês, é lógico.

Agora por último venho catalogando suas receitas, porque ainda é um mago, um feiticeiro para todos os males. Basta sentir alguma coisa que lá vem ele com uma receitinha.


É ele também que põe as buchas na parede para pregar um quadro, é ele quem coloca o varal, tranporta minha roupa suja, vai entregar as encomendas, traz minha chave quando esqueço, carrega as comprinhas de supermercado para o primeiro andar e sem pestanejar, arrasta minhas super malas quando vou viajar.

Também tá namorador por esses tempos, mas isso vamos pular!

Divido com ele a vontade de ganhar na loteria e sempre estamos às voltas em filas para tentar a sorte. Já temos um pacto e providências para quem ganhar primeiro.


O dinheiro que ja gastei pagando suas corridas já dava pra compar um carro à vista, mas sem muitas explicações, vou seguindo viagem com esse que é uma figura e meu "nego véio".

O negócio é tão sério que vou listar agora umas receitinhas infalíveis. Vamos lá:

1- para acabar com cólica

comprar um chifre de boi, queimar a ponta e mergulhar (a ponta) ainda quente num copo de água. Tomar a água.

Ah, ele sabe até onde compra o chifre, não se preocupe. Eu não disse que ele dá um jeito em tudo?

2- para dores na coluna

fazer chá ou "lambedor" de uma folha chamada "unha de gato". Acha-se essa folha no mato, cresce aleatoriamente.

De novo, ele vai colher para você. Não se sinta culpado por não conhecer uma "unha de gato"!

3- para as mulheres que nao querem ter filhos

fazer um chá de unha de burra (burra mesmo, a mulher do burro, quadrúpede), assim como o chifre de boi. Ele garante que dá certo!
"É fácil de achar professora. Quando a gente quer a gente acha", foi logo respondendo a minha célebre pergunta: Meu Deus aonde se acha uma unha de burra????(!!!)

4- para fazer um descarrego (limpeza intestinal)

tomar chá de semente de peão bravo.

"É bom ficar em casa, porque funciona mesmo! Garante o mestre dos magos...

5- para dor de cabeça

fazer nebulização com cabacinha. Ele sempre tem uma no bolsinho do carro...

Essa fui fazer, já que vivo com dores na cabeça. Resposta pra quando reclamei que não funcionou: " a senhora fez alguma coisa errada!"
EU: Justo....
E para encerrar, para que sua cachorrinha não tenha filhotes, em três sextas feiras passar a tal cachorrinha (filhote ainda) três vezes no estribo do cavalo...

Essa ele ainda está testando. Sua cachorrinha ainda não entrou no cio...
Agora me digam se não dá um livro???? E tem muito mais, muito mais.


Essa foto deve ter matado os especialistas em segurança no trabalho, tenho certeza. Mamá deve ter dado um grito, aposto!

Ociosos não façam isso, por favor. Só é indicado para "Super Ubaldos" que podem e sabem tudo!

Seu Ubaldo colocando meu varal ha um ano atras.

Soneca

Ociosos queridos!!!

Hoje a tarde parei para tirar uma soneca antes de um compromisso e acreditem: o despertador tocou e não dei a menor pelota pra ele. Melhor, não escutei tocar! Só fui acordar quando o corpo quis e isso foi lá pelas seis...
Uma tarde toda dormindo. É isso. Meu sábado foi isso.

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Idolos

Ei gente, vi outro dia no Idolos o cantor Diego fazendo peripécias com uma música que não lembro (abafa!) e amei.
Hoje cheguei do trabalho e lembrei do programa.
Assisti o cara cantando e não é que me apaixonei?
Que coisa mais bacana! Tomara que ele ganhe!!!

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Boa ideia

As boas ideias sempre tem espaço garantido na calçada do sucesso. Impressionante.
Fico muito feliz quando vejo boas ideias saindo da cabeça de alguém e se concretizando.
A proposta desse clip é de matar. De emocionar e de apaixonar.
Para mim, um vídeo para ver sempre que se está desmotivado.
O cantor de Amsterdã é fantástico. Tão fantástico que tem destaque no clip. Aí me pergunto: porque esse cara não faz sucesso? Não está nas paradas da Bilboard?
Ainda bem que a internet é democrática e proporciona visibilidade sem preconceito.

Apreciem.
Para mais detalhes: http://www.playingforchange.com/

Grãos

Os grãos são ótimos para a regulagem do intestino. São ricos em fibras, ácidos graxos e devem estar presentes em nossa alimentação cotidianamente.
Fiz uma grande mistura de grãos para o almoço. Acho que fui influenciada pela leitura recente da ideologia vegetariana e vegana*. Não ficou muito bonita não, mas ficou boa. Para acompanhar fiz uma saladinha com tudo que tinha na geladeira e pronto! Como ainda não estou adepta a filosofia vegana, misturei um pouco de carne moída refogada com azeitona.


Para a salada, lá vão os ingredientes:

alface americana
rabanete
grão de bico
pimentão
tomate
mini milho
Para a mistura de grãos:
arroz integral
soja
cevada
arroz selvagem
trigo
linhaça
centeio
aveia

Para o molho (ficou muito bom, acreditem!):
1 colher se sopa de mostarda
1 colher de sopa de molho de soja
1 limão
2 colheres de sopa de água

Aqui, minha mesinha pra comer na cama. Não se enganem. O azeite borges não me pagou para essa foto!
Saladinha fresca e saudável

Aa mistureba de grãos. Nada bonita, mas nutritiva que só ela...




*Para quem não sabe o que veganismo é a ideologia que boicota todos os alimentos de origem animal, além de produtos que tenham sido testados em animais ou que incluam qualquer forma possível de exploração animal nos seus ingredientes ou processos de manufatura (Vide wikipédia - www.wikipedia.org).

Feira

Acordei cedo e fui à feira.
Queria umas frutas para refrescar o feriado e o trabalho de hoje.
Aproveitei e comprei umas folhas e uns rabanetes. Adoro rabenete. A-D-O-R-O!
Já lavei tudo, estou iniciando os trabalhos e mais a noitinha, volto com mais alguma coisinha...
Bom feriadão aí!

ah, peguei o ônibus errado de novo!
Quando penso que tô dominando tudo por essas bandas, sempre tem um ônibus pra atrabalhar minhas estatísticas.
Antes: noventa e oito dias sem tomar um ônibus errado!!!
Agora: começando do zero...