Pular para o conteúdo principal

Fuzuê



A Dadá é minha amiga. Uma grande e querida amiga. Inaldo também. Um grande e saliente amigo.


Ambos são sócios e com a cara e a coragem abriram um restaurante modesto no Centro Histórico de São Luís. É o Cantinho da Estrela.


Algum tempo se foi e o restaurante passou do estágio probatório. Foi aprovado com louvor pela clientela e vem aumentando sua atuação. Hoje é Buffet também e em muito breve estará de sede nova.


Na fase atual não pode mais ser considerado modesto. Pelo contrário, para o que se propõe, faz com grandeza. Seu Zé, o novo Chef de Cozinha contratado, diria, importado, de vários hotéis de renome de São Luís, está fazendo a diferença. Eu já o conhecia, desde tempos do meu primeiro estágio* e quando soube da sua contratação fiquei bem feliz.


O caso é que todos os dias, a hora do almoço se transforma num evento! Primeiro que eu e minha equipe almoçamos lá. Aproveitamos e botamos as fofocas em dia;


Segundo, que alguns amigos vem almoçar e aproveitam para me encontrar e fazer uma pequena festa. Outro dia, éramos eu, Josi, Edu, Fábio, Conceição Marques, Angela e mais alguém que não tô lembrando agora. Um fuzuê danado...


Ana Amélia, mãe de Lu, veio logo me dizendo: - "menina só se escuta tuas gargalhadas lá fora..."


O encontro bom mesmo é no quintal (só para os de casa). A gente nem liga que tá perto da cozinha, que tá mal acomodado, o que queremos mesmo é nos encontrar, comermos bem, sermos bem tratados e parecermos "de casa".


Tem dias que tô tão cheia de trabalho que prefiro não ir almoçar, pra não me atrasar na volta, já que vou encontrar o povo e vou querer conversar até não poder mais...


Acho que se fôssemos filmar um seriado ou uma novela por aqui, o restaurante de Dadá e Inaldo seria aquele ponto de encontro, onde tudo acontece.


Levei meu contador semana passada. Adorou!


Esta semana prometi pra Klauss que vou levá-lo.


O cardápio esses tempos está de primeira. Hoje tinha uma macaxeira bem sequinha e uma beringela que vou contar...


Ah, ia esquecendo: Tem uns mousses que sinceramente, são quase orgásmicos!!!!


Anotem aí:


Cantinho da Estrela


Rua da Estrela, nº115, ao lado do Hotel Cantaria, Praia Grande.


Tel: (98) 3266 - 4035




Venham no almoço. Vocês não vão se arrepender!!!

*meu primeiro estágio na vida foi no antigo Hotel Vila Rica. Cortei cebola uns três meses. Seu Zé era o Chef e nem tchun pra mim... Agora manda pra minha mesa comidinhas feitas especialmente para essa que vos escreve... Tô com moral, hehe

E Inaldo? Ah, esse era o lavador de pratos...

Como o mundo é redondinho, depois fui ser professora de Inaldo e Dadá na faculdade, nos tornamos amigos, Seu Zé foi contratado e "óia nóis tudo junto aqui, sô!!!"
Na foto, Chef Zé Maria!

Comentários

Darcilda disse…
Bia, minha eterna teacher, minha consultora, marketeira e madrinha oficial do Cantinho da Estrela, quantas vezes fui correndo pedi ´socorro, achando q não tava fazendo as coisas certinhas e ela sempre ali "calma Dadá ainda é cedo", mas mesmo o Cantinho começando a dá os primeiros passos vira e mexe tô choramingando pra minha mestre e ela sempre pronta a me atender falando exatamente o que quero ouvir naquele momento. Como vc diz: o mundo é bem redondinho, td começou em uma sala de aula, foi amor a primeira vista, coisas de reencarnação rsrsrs
A Estrela do Cantinho tá brilhando mais ainda com sua presença agora todos os dias na hora do almoço.
Te amo muitãooooo

bjus

Dadá

Postagens mais visitadas deste blog

Óleo composto de soja e oliva. Não caia nessa!

Esses óleos compostos que tanto enganam os comensais espalhados por ai foram feitos para cozer, não para derramar em cima do prato pronto! Foram criados como uma alternativa para quem está com o orçamento apertado ou não tem costume de cozinhar com azeite de oliva.  Para um prato refogado, por exemplo, fica muito saboroso. O problema é que pelo fato de ser mais barato, os donos de alguns restaurantes de segunda, terceira, quarta e quinta categoria substituem o tradicional azeite por esse composto e a turma desavisada, derrama com gosto em cima do prato. Uma maldade! Vejo o povo jogando em cima da salada, sendo que em todos os compostos, 95%  é de óleo de soja e apenas 5% é de azeite (não extra-virgem!). Esperteza do restaurante que ganha por um produto de qualidade inferior e lerdeza do consumidor que não lê o que está consumindo. O consumo de azeite no país tem crescido assustadoramente, à proporção que  a gastronomia ganhou status de ciência e o poder aquisitivo da população melhorou.  De…

Patinhas de caranguejo ao molho vinagrete

O vinagrete do jeito que eu gosto...

Ingredientes
1Kg de patinha de caranguejo (de preferência do Maranhão, hehe) 2 tomates maduros 1 cebola 1 pimentão verde (que pode ser o da sua preferência) 1 maço de cheiro verde (se você preferir) ou apenas cebolinha 2 limões Sal Azeite para temperar
Modo de preparar
Afervente as patinhas em água com umas pitadinhas de sal. Veja bem, aferventar não é ferver. Basta abrir fervura e elas começarem a ficar cor de rosa, é pra tirar do fogo. Reserve e deixe esfriar. Se ficarem muito tempo no fogo elas ficam duras e na verdade elas devem ficar macias. Após lavar os legumes, corte em pedaços uniformes e bem pequenos, assim como o tomate (que é uma fruta). Para mim, quanto menor, melhor. Misture todos os legumes cortadinhos num bowl, tempere com o suco do limão, sal e bastante azeite. Acrescente um pouco de água filtrada para dar um pouco mais de molho ao vinagrete. Arrume as patinhas num refratário deixando-as com o "cabinho" pra cima. Dessa forma fica mais f…

Extrato de tomate congelado. Pode sim!

Taí que eu não sabia que podia congelar extrato de tomate, acreditam? Perdi a conta das vezes em que deixei de fazer alguma coisinha porque teria que abrir a lata de extrato de tomate, usar uma colher de sopa e guardar [e estragar] o resto. Para minimizar os prejuízos, não só financeiros, mas de consciência também, passei a comprar aquela latinha "elefante" bem pititica. Mas ainda assim estragava metade... Agora, descobri com nossa consultora Andréa, que podemos usar o que vamos precisar e congelar o resto. Será que só eu não sabia disso? Ai que horror! Acho que dá pra fazer assim: abrir a latinha e já separar umas porções para congelar, como está mostrado na foto acima. Mas Andréa lembra: não é bom deixar muito enrugadinha porque quando você for usar, pode ser que o plástico fique difícil de tirar. Melhor deixar assim mais lisinho.
Agora vai lá fazer um macarrão e contra aqui pra gente como ficou, tá?
Inté,