segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Prometo

Lembram da faxina interna do domingo? Pois é, vejam o resultado:

Prometo em 2009 acreditar menos nas pessoas;
Prometo aprender a dizer "não";
Prometo que serei mais esperta com tudo e com todos;
Prometo falar a verdade sempre. Em qualquer situação;
Prometo ler mais;
Escutar mais;
Escrever mais;
Falar menos;
Analisar menos;
Prometo falar com meus amigos toda semana;
Prometo parar de querer entender as pessoas e a vida;
Prometo não acreditar em metade dos elogios que recebo;
Também prometo não mais pedir o que não podem me dar;
Prometo continuar sorrindo muito;
Prometo que vou emagrecer meus três quilos ganhos nessa droga de segundo semestre;
Prometo que vou amar quase tudo que vou fazer;
Prometo beijar a minha mãe muitas vezes mais;
Escutar as besteiras do papai sem argumentar e ser do contra;
Prometo que vou dar uma colher de chá para o tio chato;
Prometo estar com a minha vó mais tempo;
Prometo ver minhas afilhadas muitos finais de semana;
Prometo ser mais intensa com meus amigos de Humberto de Campos;
Prometo pensar em três novos projetos de vida;
Prometo que vou ficar atenta aos momentos de felicidade e transformá-los nas minhas tão sonhadas "porções mágicas da vida";
Quero também arriscar mais;
Quero andar de bicicleta;
Prometo ir à praia pelo menos uma vez ao mês;
Quero usar mais vestidos. Largos, soltos.
Prometo diminuir a quantidade de saltos;
Prometo continuar tomando chá mate feito louca;
Vou tomar menos coca-cola;
Vou tomar mais água;
Prometo chorar menos. Esse ano foi foda;
Prometo ter menos potes de cremes. De cabelo, pro corpo, pra espinha, pros olhos, pros pés, pras mãos. Essas porras de nada adiantam.
Prometo ir à igreja mais vezes.
Prometo me conectar com Deus também mais vezes. Principalmente ao acordar.
Prometo que vou pelo menos levar a sério os editais do mestrado que quero fazer.
Prometo ensinar mais ainda meus irmãos.
Prometo aprender a fazer arroz integral;
Prometo aprender a fazer pelo menos três pratos com dignidade: uma massa, um de carne e um de peixe;
Prometo que vou ouvir mais samba, mais embolada, mais rock, mais reggae e tudo mais o que der na telha.
Prometo dançar reggae colado.
E prometo fazer feliz quem quiser ser feliz.

Assim prometo.

Nenhum comentário: